quarta-feira, 28 de fevereiro de 2007

Espectacular!!!

(clique na foto para aumentar)

A 26 de Janeiro em Perth, na Austrália, uma multidão juntou-se numa praia
local para testemunhar um espectáculo de fogo-de-artifício.

Entretanto, uma trovoada começou a aparecer do lado direito. Mas o mais
inesperado, foi entre estas duas manifestações de luz aparecer uma terceira,
o Cometa McNaught, actualmente visível no hemisfério sul.

Um autêntico três-em-um que resultou nesta foto fantástica.

domingo, 25 de fevereiro de 2007

Grande bosta...



- Eh pá!! Não chamem a Polícia, senão temos que soprar no balão...
- Será que não podemos tomar conta da própria ocorrência?
- Ó Manel, ainda tens aquele balão avariado que não subia? Dá aí que a gente sopra já...

sábado, 24 de fevereiro de 2007

Para que será?



Será destes novos inventos que dizem afugentar os insectos, ou será para atraí-los?

terça-feira, 20 de fevereiro de 2007

domingo, 18 de fevereiro de 2007

O branco, o negro e S. Pedro

Numa fila de entrada para o céu, diz um branco para um negro:
- O que estás aqui a fazer?
- Quero ir para o céu...
- Estás doido? Se o S.Pedro te vê aqui manda-te embora. Os negros não entram por esta porta.
A única hipótese que tens é quando ele te perguntar o nome, dizeres o nome de um branco.
Quando o S.Pedro abre o postigo, pergunta:
- Quem é?
- É o Leonardo di Caprio!
O S.Pedro olha para o negro, fecha o postigo, vira-se para o lado e pergunta:
- Ó anjo...aquela cena do Titanic, foi naufrágio ou incêndio?

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2007

Este é especial para a nossa Engª Tradutora

Ó Mushuza, vê lá se está bem traduzido...


Quem disse que o inglês era fácil?!

Vamos a factos.

1. Módulo básico
Em português : Três bruxas observam três relógios Swatch. Que bruxa observa que relógio?

Em inglês: Three witches watch three Swatch watches. Which witch watch which Swatch watch?

2. Módulo avançado
Em português : Três bruxas "travestis" observam os botões de três relógios Swatch. Que bruxa travesti observa os botões de que relógio Swatch?

Em inglês: Three switched witches watch three Swatch watch switches. Which switched wich watch which Swatch watch switch ?

3. .. e agora para especialistas
Em português : Três bruxas suecas transexuais observam os botões de três relógios "Swatch" suiços. Que bruxa sueca transexual observa que botão de que relógio Swatch suiço?

Em inglês: Three Swedish switched witches watch three Swiss Swatch watch switches. Which Swedish switched witch watch which Swiss Swatch watch switch?

terça-feira, 13 de fevereiro de 2007

Nova localidade



Deve ficar lá para os lados do Alqueva...

domingo, 11 de fevereiro de 2007

Português típico...

Estavam um inglês, um alemão e um português num café quando o inglês diz aos outros:
- Esse que aí entrou é igualzinho ao Jesus Cristo
- Pois, pois - dizem os outros.
- Estou-vos a dizer. A barba, a túnica....
O inglês levanta-se, dirige-se ao homem e pergunta:
- Tu és Jesus Cristo, não é verdade?
- Eu? Que ideia!
- Eu acho que sim. Tu és Jesus Cristo.
- Já disse que não. Mas fala mais baixo.
- Eu sei que tu és Jesus Cristo
Tanto insiste que o homem lhe diz baixinho:
- Sou efectivamente Jesus Cristo mas fala baixo e não digas a ninguém senão isto fica aqui um pandemónio.
- Fiz uma lesão no joelho em pequeno. Cura-me.
Milagres não. Tu vais contar aos teus amigos e eu passo a tarde a fazer milagres. O inglês tanto insiste que Jesus Cristo põe-lhe a mão sobre o joelho e cura-o.
- Obrigado. Ficarei eternamente grato - agradece, emocionado, o inglês.
- Sim, sim. Não grites e vai-te embora. Não contes a ninguém.
O inglês, mal chegou à mesa, contou aos amigos. O alemão levantou-se logo e
dirigiu-se a ele.
- O meu amigo disse-me que eras Jesus Cristo e que o curaste. Tenho um olho
de vidro. Cura-me.
- Não sou nada Jesus Cristo. Fala baixo.
O alemão tanto insistiu que Jesus Cristo passou-lhe a mão pelos olhos e curou-o.
- Vai-te agora embora e não contes a ninguém.
Mas Jesus Cristo bem o viu a contar a história aos amigos e ficou à espera de ver o português ir ter com ele. O tempo foi passando e nada.
Mordido pela curiosidade dirigiu-se à mesa dos três amigos e, pondo a mão
sobre o ombro do português, começou a perguntar:
- E tu, não queres que.....
O português levanta-se de um salto, afastando-se dele:
- Eh, tira as mãozinhas que eu estou de baixa!!!

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2007

Os profes não percebem nada...

Se é jovem, não tem experiência;

Se é velho, está ultrapassado.

Se não tem carro, é um coitado;

Se tem carro, chora de barriga cheia.

Se fala em voz alta, grita;

Se fala em tom normal, ninguém o ouve.

Se nunca falta às aulas, é parvo;

Se falta, é um "turista".

Se conversa com outros professores, está a dizer mal do Sistema;

Se não conversa, é um desligado.

Se dá a matéria toda, não tem dó dos alunos;

Se não dá , não prepara os alunos.

Se brinca com a turma, é palhaço;

Se não brinca, é um chato.

Se chama a atenção, é um autoritário;

Se não chama, não se sabe impor.

Se o teste é longo, não dá tempo nenhum;

Se o teste é curto, tira a oportunidade aos alunos bons.

Se escreve muito, não explica;

Se explica muito, o caderno não tem nada.

Se fala correctamente, ninguém entende patavina;

Se usa a linguagem do aluno, não tem vocabulário.

Se o aluno reprova, é perseguição;

Se o aluno passa, o professor facilitou.

É verdade, os profs. nunca têm razão...
Mas se você conseguiu ler tudo até
aqui, agradeça-lhes a eles.

terça-feira, 6 de fevereiro de 2007

Gestos habituais


Existem sempre aqueles momentos comuns em que se tem maior vontade de fumar, como seja o final das refeições ou a seguir ao café; no meu caso, como já tinha deixado de beber café por causa da úlcera, quando sinto mais vontade de fumar é depois de comer, mas sobretudo, enquanto estou ao computador. Nestes dias quase não entrei no escritório, pois só esse facto me recorda o tabaco, embora nem me lembre que tenho ainda uns 6 maços no armário pequenino (lembram-se dele?), estão lá até eu ganhar coragem de os ir dar a um sem abrigo aqui da zona (não me venham com moralismos que estou a contribuir para o vício, o homem anda a apanhar beatas do chão...), não sei como tenho conseguido conter algumas vontades súbitas, mas não me vou enganar, já não tenho idade para me enganar, não fiz nenhuma promessa, mas gosto de levar as decisões até ao fim e sinto, sobretudo fisicamente, uma melhoria ao nível da respiração e o desaparecimento daquela tosse horrível.
Mas, tudo isto para vos pedir desculpa pela minha ausência dos vossos espaços e mesmo deste. Espero superar esta ansiedade a breve trecho, para conseguir passar aqui alguns momentos agradáveis como de costume.

domingo, 4 de fevereiro de 2007

Primeira e espero que única, tentativa



Farta de tanta volta dar à cabeça, sim, que isto de se estar a meditar há quase um ano, sem nunca se chegar a conclusão nenhuma, a mim cansa-me...
Ao fim de tantos meses desempregada e sem quaisquer perspectivas a curto prazo, decidi fazer pelo menos alguma coisinha pelo corpo, já que a alma, essa, já não tem remissão. Instigada pela mana Étimos que já lá anda há 9 anos, decidi inscrever-me no ginásio que já não frequentava desde 2000, ano em que tinha começado a trabalhar novamente, com o intuito de me ajudar a deixar de fumar ao fim de 30 anos de vício.
Para mim foi notória desde início a aversão ao cheiro do tabaco quando saía da aula, e constatei também o cheiro desagradável que tem a minha roupa, o tabaco já me andava a “irritar”, ou melhor, o meu vício pelo tabaco é que o fazia e o facto de nada ter conseguido mudar no ano que passou, em que me limitei a envelhecer, fez com que começasse finalmente a pensar muito a sério em deixar de fumar.
Na passada sexta-feira tinha a primeira de três cirurgias peridontais, marcada para as 9 da manhã e lá fui; ao fim de hora e meia de cirurgia a médica diz-me que se fumasse após, iria destruir todo o trabalho feito, apesar de já saber que os fumadores têm maiores dificuldades em tratar a periodontite, nem isso nunca me fez deixar de fumar, mas como estou tão farta de andar a gastar dinheiro no dentista e cada uma destas cirurgias me fica em 175€ , achei que era uma boa desculpa para deixar de fumar, assim de repente mas com ajuda, claro.
Após uma troca de argumentos com a minha médica, sobre a necessidade dos antibióticos que me havia receitado (sou contra os antibióticos), ela venceu-me pelo conhecimento médico, no qual tenho de confiar e convenceu-me da sua imprescindibilidade, assim, fui direita à Farmácia e junto com a receita, pedi uma embalagem de pensos Niquitin da 1ª fase e pímbalas!!!!!
O que é certo é que não fumo desde sexta-feira, não me cria muita ansiedade esse facto, não me faz confusão que fumem ao pé de mim, apesar de não gostar do cheiro; só espero que este sentimento impere até conseguir largar os pensos também, acho que o livre trânsito no ginásio vai ajudar, pois tenciono frequentar muitas das aulas, desde ginástica a Yoga , Thai Chi e musculação, agora que sinto que tenho espaço nos pulmões, já me posso esforçar qualquer coisinha.
Wish me strength!!!!

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2007

Procurando um caracoli...


Tava eu tirando moncos
Cá da cana do nariz
Enquanto fazia uma mija
Assim tipo...Chafariz

Tinha a bexiga tã cheia
Que fiquê la uma hora
Quando m'assomê em volta
Tinha-s'ido tudo embora

Sacodio "coiso e tal"
Enquanto coçava a bilha
De tal manera atascado
C'o entalê na braguilha

Tirê as botas do lodo
Que fizera na mijada
Sacudi tamém as calças
Sempre com ela entalada

Pedi ajuda a Ti Micas
Que cerca dali morava
Mas depilou-me os tomates
Ca força com c'a puxava

Ensanguentado da pila
Fui aos tombos pelo monti
Vomitando quasi as tripas
Nã sêi se queres que te conti

Comera dôis pães de quilo
C'um garrafão p'rájudari
Nâ admira ter dado
Tres horas a vomitari

Detê-me na palha fresca
Para ver se descansava
Enterrê-me logo em bosta
Da vaca que c'ali pastava

E foi assim qu'essa tarde
Conheci um caracoli
Dêtados os dois na palha
C'os cornos secand'ó soli

recebido via mail (da mana)